Enfermeiro é acusado de matar outros 84 pacientes na Alemanha

Mundo
Um enfermeiro foi acusado de assassinar 84 pacientes durante toda sua carreira, em um anúncio feito pela polícia da Alemanha, nesta segunda-feira (28). Niels Hoegel, 40 anos, está preso desde 2015, quando foi apontado como o causador da morte de dois pacientes por overdose de medicamentos para o coração.
Após ter sido tido como o mentor dos crimes, Hoegels foi condenado à prisão perpétua, porém a polícia alemã continuou com as investigações. Agora, os investigadores concluíram que o enfermeiro foi responsável pela morte de 84 pacientes em condições semelhantes.
De acordo com o chefe de polícia Johann Kuehme, os investigadores chegaram ao número baseados em materiais recolhidos em autópsias. Mas os policiais acreditam que o número pode ser maior, já que muitos dos pacientes de Hoegel foram cremados.
“São 84 homicídios. Estamos sem palavras”, disse Kuehme em uma coletiva de imprensa. “E a coisa mais terrível é que esse balanço deve ser bem pior, bem maior”. A administração dos estabelecimentos onde Hoegels trabalhou também está sendo investigado.
Midia Max

CATEGORIAS
Compartilhar Esse

COMENTÁRIOS

Wordpress (0)
Disqus ( )