Lázaro é morto após ser baleado em Goiás

Lázaro é morto após ser baleado em Goiás

Após 20 dias de busca, a polícia de Goiás capturou nesta segunda-feira, 28, Lázaro Barbosa, suspeito de chacina em Ceilândia, no DF.

A informação foi divulgada pelo governador do Estado, Ronaldo Caiado. Segundo o governador, houve troca de tiros com a polícia.

Conforme noticiado pela GloboNews, Lázaro não resistiu aos ferimentos e foi morto na captura.

Crimes

Lázaro é suspeito de chacina que ocorreu em Ceilândia, no DF, em 9 de junho. Lázaro teria matado um casal e seus dois filhos. Também há suspeita sobre a morte de um caseiro de uma fazenda no distrito de Girassol, em Goiás, dias antes.

Lázaro é acusado de diversos outros crimes desde 2007 e fugiu três vezes da prisão. Condenado por assassinatos e estupros, o fugitivo da Justiça era procurado por uma série de crimes na Bahia e em Goiás.

A megaoperação realizada para prender o fugitivo neste mês contava com 270 homens.

Fuga

As buscas começaram no dia 9 deste mês, após o crime no DF. Na fuga, Lázaro teria roubado um carro e seguiu para a cidade de Cocalzinho de Goiás, a 80 km de distância. Desde então, foi perseguido pela força-tarefa policial pelas matas da região.

Drones, helicópteros, rádios comunicadores e até um caminhão com uma plataforma de observação elevada de videomonitoramento ajudaram nas operações.

Cães farejadores também atuaram na caçada a Lázaro.

Durante a perseguição, Lázaro invadiu ao menos 11 fazendas, trocou tiros e baleou moradores, dois policiais militares e um oficial da FAB, segundo informações da força-tarefa.

Segundo o governador, Lázaro estava bem aparelhado e teve ajuda nos dias em que esteve foragido.

CATEGORIAS
TAGS
Compartilhar Esse

COMENTÁRIOS

Wordpress (0)
Disqus ( )