Mulher é estuprada e empalada após negar sexo

Um homem de 44 anos foi preso neste sábado (23) suspeito de estuprar, empalar e agredir a companheira, em São Francisco, no Norte de Minas. Os crimes teriam ocorrido porque a mulher se negou a ter relação sexual com o autor.
A Polícia Militar foi acionada por volta das 13h, quando recebeu a denúncia de que uma mulher estava machucada e queixando-se de dores em um matagal próximo à rua F, no bairro Sobradinho. Os militares fizeram rastreamento no local e encontraram a vítima e o autor já no início da noite, por volta das 19h, debaixo de uma árvore.
A mulher, de 44 anos, disse que estava em um relacionamento com o homem há dez dias. Neste sábado, ele a procurou para ter relações sexuais, mas ela não quis. O autor, então, teria se enfurecido, derrubado a vítima e dado pancadas na cabeça dela com um pedaço de pau.
Em seguida, o homem teria estuprado a mulher e introduzido um pedaço de madeira no ânus dela – método de tortura conhecido como empalamento. Após um tempo, ela disse ao suspeito que não aguentava mais e pediu um telefone para que ela pudesse ligar para o pai e pedir ajuda. O homem teria permitido, mas, em seguida, agredido a vítima novamente.
A mulher foi encaminhada para o hospital da cidade, onde as lesões foram confirmadas por meio de exames. O autor foi preso e levado para a Delegacia de Polícia Civil de Januária.
Segundo a Polícia Civil, o homem foi preso em flagrante no âmbito da lei Maria da Penha por lesão corporal e estupro e foi encaminhado para o Presídio de Januária. Conforme a corporação, autor e vítima estavam alcoolizados, e o suspeito disse não se lembrar do que ocorreu. Ele não tinha passagens pela polícia.
Fonte: O Tempo 

CATEGORIAS
Compartilhar Esse

COMENTÁRIOS

Wordpress (0)
Disqus ( )