Bolsonaro sobre Lula: ‘Não consegue sair na rua pra tomar uma branquinha’

Pode ser uma imagem de 2 pessoas e pessoas sentadas

O presidente Jair Bolsonaro (PL) afirmou que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) não consegue sair na rua “para tomar uma Coca-Cola, ou uma branquinha” sem ser vaiado. A fala foi dada em entrevista ao programa Alerta nacional da Rede TV!, apresentado por Sikera Jr., que foi ao ar nesta segunda-feira (30/5). O líder do executivo também ironizou a desistência de João Doria (PSDB-SP).

“Ele tinha que fazer uma motociata de Manaus a Boa Vista, encher de gente aí. Ele não consegue sair na rua pra tomar uma Coca-Cola, né, ou uma branquinha em lugar nenhum porque ele é vaiado. Ele não é bem quisto” afirmou Bolsonaro.

“Ele tinha que fazer uma motociata de Manaus a Boa Vista, encher de gente aí. Ele não consegue sair na rua pra tomar uma Coca-Cola, né, ou uma branquinha em lugar nenhum porque ele é vaiado. Ele não é bem quisto” afirmou Bolsonaro.

“Zero dividido por cinco”

Bolsonaro comentou ainda a desistência do ex-governador de São Paulo, João Doria, da corrida presidencial. “Zero dividido por cinco, quanto é? É o que ele tinha. Alguns eleitores que vão decidir pra onde vão, né. Mas não deu certo a política dele”, disse o presidente, acrescentando que São Paulo foi o estado que mais fechou comércios e com maior número de mortes por 100 mil habitantes durante a pandemia.

“A gente via cenas terríveis. […]Eu sempre falei: o vírus veio para ficar. Infelizmente, é uma verdade. Devemos salvar vidas e empregos. O lockdown serviu para dar uma pancada na economia”, afirmou o presidente.

CATEGORIAS
Compartilhar Esse

COMENTÁRIOS

Wordpress (0)
Disqus ( )
pt_BRPortuguese